08 fevereiro 2008

visitas

As minhas amigas "americanas" ja' se riem quando digo que tenho mais uma visita la' em casa.
E digo ja' porque':
A B. que chegou neste ultimo sabado foi a visita numero: 20!! E tenho mais duas agendadas para Marco!
Parece loucura, mas e' verdade. Desde que me mudei para Queens em Setembro de 2006, que tive o previlegio de ter recebido 20 amigos la' em casa. Minto: muitos amigos e um ou outro conhecido. :)
Muita confusao. Muitas visitas guiadas. As recomendacoes de sempre. E sem duvida; momentos unicos.
Este surto de visitas, maioritariamente de Portugal, ja' levou a algumas observacoes erroneas pela parte dos meus colegas de trabalho que agora julgam que Portugal e' um pais onde se vive muito bem e onde ha bastante dinheiro porque toda a gente viaja. E contra factos, realmente nao ha' argumentos, embora todos nos saibamos como as coisas sao.
E' engracado como as "visitas" acabam por ser tao diferentes e por nos marcarem sempre de forma diversa. Uns muito arrumadinhos, outros nem tanto, uns que enchem os frigorifico, outros que trazem lembrancinhas da terra... - ja' houve cerelac, bacalhau, bolinhos de doce de ovos, jornais, livros, ate' um tabuleirinho da festa dos tabuleiros de Tomar !
A casa adquire outro cheiro, a sala tranforma-se numa salaquartoroupeiroarrumos. A casa de banho revolve-se. Veem-se coisas que nunca se tinham visto antes pela cidade.
No fim, depois de tanta confusao, (porque o trabalho nao p'ara e as semanas adquirem um stress redobrado), a casa, mais calma, parece triste de vazia.

2 comentários:

Joao Morgado disse...

Deve ser fantástico receber umas visitinhas de vez em quando...

Sortuda!

Sinapse disse...

Pois é ... sinto o mesmo ... esse vazio (que é gostoso e ao mesmo tempo triste ...), quando as visitas se vão ...