29 junho 2008

Day 3 in london and my feet already ache from spending the whole time walking around in search for an apartment. Surprisingly...London has received us with a stupendous weather. Too bad we've been far too busy to enjoy it...

25 junho 2008

14.06.08


e foi assim que finalmente... aconteceu!

18 junho 2008

telegrama

Na ilha do Sal de ferias. stop.
O casamento correu lindamente. stop.
Obrigada a todos pela ajuda. pela amizade. pela presEnca! stop.
Prometo fotos em breve. stop.
Estou muito feliz. stop.

11 junho 2008

azares?

Há quem diga que não se deve casar em ano bissexto.
Eu, como de supersticiosa tenho muito pouco e de astróloga muito menos, nem reparei.
A vontade estava lá há muito tempo. E este tempo de paragem pareceu-nos simplesmente ideal.
Agora a três dias do grande passo, depois de:
- mega reabilitações urbanas na cidade que me obrigaram a adbicar de um sonho de sempre relativamente ao local da cerimónia,
- greves de pescadores que me assustaram quanto á comida a servir,
- greves de camionistas que me obrigaram a percorrer mundos e fundos em busca de uma simples flor,
- semanas antecipantes de frio e chuva
- voos esgotados em inúmeras agências de viagens para o local escolhido e a opção por uma não-opção,
- uma banda sonora que não escolhi
- uma cerimónia religiosa que não planneei,
resta-me a certeza da felicidade que terei quando reencontrar todas as pessoas amigas e a de te reencontrar num sitio só nosso.
Que se aprenda a lição: sonhos de criança....são sonhos. A realidade depois ensina-nos a lidar com a perca de uns e o ganho de outros, e a dar a devida importância ao que de facto é importante.

06 junho 2008

carta de agradecimento

Tenho uma impressora Deskjet 840 desde os tempos do secundário. Fidelíssima ao seu posto de trabalho no quarto do B. em Tomar , tem sido conectada aos mais diferentes pc/laptops ao longo destes anos por variadíssimos utilizadores e nunca foi substituida. Tinteiro atrás de tinteiro, a impressora ainda fala, gemendo, arquejando, arfando e ofegando, e lá vai ejectando as folhas necessárias. A dita, apesar de já ter sido injuriada, enxovalhada e insultada da pior maneira, consegue ser fantástica numa coisa: é que vai durando e tem estado presente em todas as fases processuais verdadeiramente importantes da minha vida. Índico apenas as essenciais: o meu primeiro portfolio que me garantiu o primeiro emprego. O meu segundo portfolio que me garantiu a passagem para NY. O meu terceiro portfolio que me acompanhou a Londres em Março passado. Todas as peças escritas a distribuir no meu casamento na próxima semana. Este momento de regresso a casa dos pais em momentos de transição começam a ser indissociados deste outro; passar horas em frente a um monitor acompanhada desta banda sonora de impressão lenta e morosa que já conheço de cor. A impressora pela qual eu já perdi a cabeça inúmeras vezes, me causou sérios inícios de "mental breakdown", e verdadeiras crises de mau feitio, está ao meu lado, mais uma vez e de novo acabou por cumprir o seu papel na perfeição. Obrigada velhota!

04 junho 2008


And after 3 months... Nyc came to me!!
Obrigadíssimo Beta! Abrir essa "caixinha" de surpresas foi regressar de novo por uns instantes.